Guerra Cibernética da Estônia não foi Guerra

De acordo com uma análise, o ataque às redes da Estônia não foi executado pela Rússia, apesar de elementos do nacionalismo russo estarem presentes. O ataque foi lançado de vários pontos ao redor do mundo, e não há uma linha clara que os liga a Moscou. Também não houve ataques a outros elementos da infra-estrutura do país que não a Internet.

Para mim, isso indica que a “ciber-guerra” é distribuída (conduzida por um bando de gatos pingados) ao invés de centralizada (conduzida por nações) – ou seja, é mais um ponto em que as “profecias” estavam erradas.

~ por mestrebira em 03/06/2007.

Uma resposta to “Guerra Cibernética da Estônia não foi Guerra”

  1. Sim. Na verdade a Estônia levantou a suspeita de que algumas autoridades russas estavam envolvidas – mas não chegou a afirmar que era uma decisão do governo de Moscou, muito embora eu ache o que aconteceu muito ao estilo dos russos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: